Policial Civil morre após colisão com ônibus na BR-316, no interior do Piauí

O grave acidente ocorreu na cidade de Picos. Com o forte impacto da colisão o Policial não resistiu e morreu no local.

Por Samara Tibúrcio

O escrivão da Polícia Civil, Abelardo José de Oliveira, morreu depois de se envolver em um grave acidente com um ônibus da empresa Itapemirim, na BR-316, em Picos. O acidente ocorreu por volta das 8h próximo ao acesso à rodovia federal BR-020.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal os veículos vinham em sentidos opostos quando o motociclista se chocou contra a parte frontal do ônibus. O motociclista seguia no sentido Geminiano / Picos, quando o ônibus que seguia no sentido contrário adentrou, de forma indevida, na faixa por onde passava o motociclista.

Abelardo tinha 58 anos de idade e era Escrivão da Polícia Civil e também já atuou como delegado titular da Central de Flagrantes de Picos. Atualmente ele era membro do conselho fiscal da Associação dos Policiais Civis do Estado do Piauí (Apocepi). Devido ao forte impacto ele não resistiu e morreu no local.

O motorista envolvido no acidente fugiu do local sem prestar socorro à vítima. A Polícia Militar esteve no local, assim como a PRF, que vai apontar os detalhes do acidente. Segundo dados dos agentes, o prefixo do ônibus é 5061. 

A Associação dos Policiais Civis do estado do Piauí (Apocepi) divulgou uma nota de pesar pelo falecimento do Policial. “Abelardo tinha uma história de serviços prestados ao povo picoense, sendo um excelente servidor público, conhecido por todos os seus colegas por ser extremamente prestativo e nunca recusar ajuda ao próximo”.