Passagens dos ônibus intermunicipais em Minas Gerais ficam mais caras

Os novos valores entram em vigor nesta segunda-feira (16) e aumento pode chegar a 17,54%

Por Samara Tibúrcio

A partir desta segunda-feira (16) o valor das passagens de ônibus intermunicipais que circulam entre a capital e as cidades do interior e também entre cidades mineiras fica mais cara. O aumento pode chegar a 17,54% para as linhas que operam no asfalto e a 16,84% para as linhas que circulam em estradas não pavimentadas.

Segundo informou a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra), o reajuste foi uma reivindicação das empresas que operam o sistema.  Ainda segundo a Seinfra a solicitação de aumento por parte das empresas era algo em torno de 20%, o que foi negado. 

O reajuste visa corrigir a defasagem dos últimos 12 meses, além de auxiliar nos gastos com combustíveis que vem sofrendo constantes aumentos, peças de reposição, manutenção, depreciação do veículo, tributos, remuneração da mão de obra, entre outros.

“A título de exemplo, de acordo com dados do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o Óleo Diesel acumula, nos últimos 12 meses, variação de 46,47%, e os pneus 25,39%”, declarou a Seinfra.

Com o reajuste a passagem mais barata passa a ser de R$ 4,35 e a mais cara passa para R$ 391,95. Ao todo o sistema conta com uma frota de 3.277 veículos, que atualmente atendem a uma média mensal de 3,36 milhões de passageiros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze − onze =