Imposto de Renda 2022: Prazo para declarar o imposto termina dia 31 de maio

O prazo anterior do Imposto de Renda se encerrava no dia 29 de abril. Prorrogação tem como objetivo diminuir eventuais efeitos da pandemia da Covid-19.

Por Samara Tibúrcio

Foi publicada no “Diário Oficial da União” desta terça-feira (5) a prorrogação do prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda 2022. Anteriormente a data final para a declaração se encerava no dia 29 e agora os contribuintes têm até o dia 31 de maio para realizarem a declaração do imposto. 

Lembrando que a Declaração de Ajuste Anual é obrigatória a todos os cidadãos que tiveram rendimentos tributáveis com valor acima de R$ 28.559,70 no ano de 2021. Os contribuintes que não declararem ou enviar fora do prazo, terão que pagar multa de no mínimo R$ 165,74, e no máximo, o correspondente a 20% do imposto devido.

De acordo com a Receita federal a mudança na data é necessária por conta de alguns efeitos da pandemia da Covid-19, “visto que alguns órgãos e empresas ainda não estão com seus serviços de atendimento totalmente normalizados”. A estimativa da Receita Federal é que sejam entregues aproximadamente 34,1 milhões de declarações ao final do prazo.

As restituições começam a ser pagas no fim de maio e vão até setembro, ao todo serão cinco lotes de pagamento, um por mês. O primeiro está previsto para 31 de maio. Os segundo e terceiro lotes serão restituídos no dia 30 de junho e de julho. O quarto lote está previsto para 31 de agosto e o quinto, para 30 de setembro.

Para este ano está disponível a declaração pré-preenchida em larga escala para contribuintes, a partir da autenticação via contas Gov.br. Na declaração pré-preenchida praticamente todas as informações em posse da Receita Federal serão importadas diretamente para a declaração, o contribuinte precisa apenas verificar, corrigir eventuais distorções ou complementar os dados.

Outra novidade é que tanto o preenchimento quanto a entrega da declaração podem ser feitas por meio do programa gerador do Imposto de Renda 2022, referente ao ano-base 2021. O programa tem versões disponíveis para computador e celular. Já para os contribuintes que utilizam o PIX está disponível a opção de pagar as cotas do IR e também receber a restituição pelo sistema de transferências.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

seis − quatro =