Hermes Pardini é comprada por gigante Fleury

Fleury e Hermes Pardini juntos têm 487 unidades de atendimento e 24 áreas técnicas em 12 Estados e no Distrito Federal.

Por Samara Tibúrcio

A empresa de medicina diagnóstica Fleury anunciou nesta quinta-feira (30) a compra do grupo mineiro Hermes Pardini.  Segundo o comunicado, o novo negócio tem um valor de mercado de R$ 8 bilhões e que após passar pela análise do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) a empresa reforçará a presença por todo o país.

A Fleury será a titular de todas as ações do Hermes Pardini.  De acordo com os termos do negócio, o acionista do Pardini receberá por cada ação ordinária que detém da companhia cerca de 1,21 ação ordinária do Fleury mais aproximadamente R$ 2,15.

A novidade fez as ações do Fleury dispararem 13,89%, sendo a maior alta do Ibovespa, que cedia 1,68% com cenário externo negativo. Os papéis de Hermes Pardini, que não compõem o principal índice da bolsa brasileira, saltavam 20%.

A marca Hermes Pardini será mantida por pelo menos 10 anos, com possibilidade de expansão a novas unidades. Juntos, o grupo contará com 487 unidades de atendimento e 24 áreas técnicas, espalhadas por 12 Estados e o Distrito Federal. 

Caso a aquisição seja concluída, haverá uma mudança na estrutura organizacional do Fleury. Em primeiro lugar será constituída a holding Fleury S.A, que concentrará todos os ativos do Fleury e do Hermes Pardini, que passará a ser uma subsidiária integral do grupo.

As empresas passaram uma estimativa preliminar de ganhos de sinergia, há a expectativa é de um aumento de R$ 160 milhões a R$ 190 milhões no Ebitda por ano. Caso os acionistas de alguma das companhias não aprovem o negócio haverá o pagamento de multa de R$ 250 milhões pela empresa em questão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

três × 5 =