Concurso TJMG 2022 tem edital publicado

Certame irá ofertar 248 vagas para oficiais e analistas com salários a partir de R$ 5 mil. Provas objetivas estão previstas para o dia 04 de dezembro.

Por Samara Tibúrcio

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) publicou na última quinta-feira (23) o edital de abertura do novo concurso para área de apoio. Ao todo o certame irá ofertar 284 vagas mais formação de cadastro de reserva para os cargos de Oficial Judiciário e Analista Judiciário, que exigem níveis médio e superior de escolaridade. 

Os interessados em participar do certame poderão se inscrever a partir de 30 de agosto a 29 de setembro,  pelo site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), organizador do concurso. A taxa de inscrição é de R$ 90 para oficial judiciário (nível médio) e R$100 para analista judiciário (nível superior). 

Os salários iniciais chegam a R$ 5 mil com uma jornada de trabalho de 30 horas semanais. Entre os benefícios adicionais estão:

  • Vale alimentação de R$ 1.197,27;
  • Auxílio-saúde: de R$ 230,85 a R$ 346,27 conforme a idade;
  • Auxílio-creche: R$ 885,30 (filho de até 7 anos de idade);
  • Auxílio-transporte: R$ 173,13.

As novas vagas estão distribuídas entre os seguintes cargos/áreas:

  • Oficial Judiciário: Nas especialidades de Assistente Técnico de Controle Financeiro e Oficial de Justiça.
  • Analista Judiciário: Nas especialidades de Administrador / Analista de Tecnologia da Informação / Analista Judiciário / Assistente Social / Bibliotecário / Contador / Enfermeiro / Engenheiro Civil / Engenheiro Eletricista / Engenheiro Mecânico / Médico / Psicólogo / Revisor Judiciário.

O concurso terá prova objetiva para todos os cargos, composta de conteúdos de Língua Portuguesa, Noções de Direito, Noções de Informática, Inglês, Conhecimentos Específicos e Raciocínio Lógico, de acordo com o cargo. Além de prova discursiva (redação ou estudo de caso) apenas para carreiras de nível superior.

As provas objetivas serão realizadas no dia 04 de dezembro de 2022, nas cidades de Belo Horizonte, Betim, Contagem, Diamantina, Governador Valadares, Juiz de Fora, Montes Claros, Uberlândia e Varginha.

O prazo de validade do concurso será de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período a critério da administração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

10 + onze =