Prefeitura de Santa Luzia anuncia retorno da maternidade em setembro

Após 10 anos desativada, a maternidade Raul Teixeira da Costa será reaberta no dia 1º de setembro.

Por Samara Tibúrcio

A prefeitura de Santa Luzia, cidade da região metropolitana de Belo Horizonte, anunciou por meio das redes sociais a reinauguração da maternidade Raul Teixeira da Costa, localizada no Hospital São João de Deus. Após 10 anos desativada, a maternidade será reaberta no dia 1º de setembro, a equipe médica, composta por pediatras, obstetras, enfermeiros obstetras e técnicos de enfermagem já está montada e preparada para a inauguração.

Segundo a prefeitura, o local passou por um uma grande reforma e agora conta com equipamentos melhores e mais modernos. Dentre os novos equipamentos estão incubadoras, respiradores, suportes avançados para recém-nascidos, ultrassons portáteis, monitores multiparâmetros e desfibriladores, dentre outros. 

Os novos equipamentos irá proporcionar para as gestantes a opção de parto humanizado, o que significa que a mulher terá a possibilidade de esperar pacientemente pela hora do nascimento do bebê. São fornecidos durante a espera opções como ouvir música, andar, fazer ginástica, que são inclusive, uma forma de reduzir a dor das contrações.

As novas instalações contam com três PPPs, que são as salas de pré-parto, parto e pós-parto. A previsão é de que a maternidade atenda a cerca de 200 partos por mês. Sua estrutura inclui 8 leitos obstétricos, bloco cirúrgico especializado (para os casos que exijam cesarianas), sala de observação, sala de cuidados intermediários, dispensário de medicamentos e material médico e posto de enfermagem.

As gestantes poderão contar com todo o conforto, privacidade e uma estrutura projetada para o seu bem-estar. As futuras mamães também poderão escolher a forma que preferem ter o bebê, é possível escolher entre o parto na cama, no banquinho obstétrico ou no chuveiro. 

O hospital ainda irá oferecer às mamães carentes um kit enxoval de bebê, composto por: fraldas, manta, bolsa materna, sapatinhos, body-calça e sabonetes. As mamães também irão receber a “caderneta da criança”, que além de ser uma cartilha para as novas mamães serve para anotar datas importantes, como consultas, retornos e vacinações. 

Todo o material oferecido para as mamães será fruto de doações. Qualquer pessoa que queira contribuir com a montagem dos kits pode fazer a doação de forma presencial. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 31 3100-5000.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezesseis − 3 =