Fique por dentro de dicas que irão te ajudar a vender seu carro com segurança

Se você está pensando em vender seu carro, mas ainda tem dúvidas sobre o assunto, acompanhe esse passo a passo que preparamos que vai facilitar sua vida e ajudar na sua venda!

Por Samara Tibúrcio

Dicas para vender seu carro
Dicas para vender seu carro

Quando pensamos em vender o carro, a principal dúvida é como fazer isso de maneira segura e sem tomar prejuízos. É importante lembrar que podem surgir compradores agindo de má fé e que você pode ficar exposto a possíveis golpes. Então, todo cuidado é pouco. 

Pensando em todas as possibilidades, trouxemos dicas para que você valorize o seu usado da melhor maneira possível, e assim consiga o melhor preço.  Afinal, trata-se de um bem e que provavelmente foi conquistado com muito esforço. Sendo assim, preparamos uma lista com os principais cuidados que você deve tomar nesse momento. Confira!

Anuncie seu veículo

Tenha cuidado ao elaborar o anúncio e não deixe de oferecer uma descrição detalhada e verdadeira do veículo. Se optar por fazer o anúncio pela internet coloque bastantes fotos de diferentes ângulos do carro, isso irá chamar a atenção de possíveis compradores. Se houver necessidade de reparos seja sincero e deixe claro no anúncio, é importante também deixar claro a quilometragem do veículo e as principais características. 

Segurança no anúncio e no encontro com o comprador

Sabemos que a internet é uma boa opção para dar mais visibilidade na hora da venda do carro, porém, com certeza, é onde existem mais golpes e fraudes. Por isso, existem regras de segurança para você se certificar que está fazendo seu negócio com a maior segurança possível. Entre elas está nunca divulgar informações pessoais ao conversar com pessoas que não conhece e quando você for marcar para mostrar o carro para o possível comprador, marque o encontro em um lugar público com mais pessoas por perto. Opte por lugares com grande circulação de pessoas, como parques e shoppings. 

Documentação

Nunca faça a transferência dos documentos antes de ter recebido o dinheiro referente à negociação. Somente após a confirmação do pagamento ambos devem reconhecer firma das assinaturas, que estarão registradas no Certificado de Registro de Veículo (CRV). Este deve ser feito no Detran no prazo de 30 dias corridos, sob pena de aplicação de multa no valor de R$195,23, como consta no artigo 233 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Só quando a transação for concluída, o recibo deve ser entregue ao comprador.

Segurança na hora da venda

Por fim, e não menos importante, é preciso reforçar que o mais recomendável para receber o pagamento por seu veículo é o crédito em conta, via transferências bancárias. Cheques também podem ser utilizados em última instância, mas procure utilizar essa forma apenas com pessoas que você conheça e confie. E em hipótese nenhuma receba grandes quantias em pagamento em espécie, isso pode facilitar golpes e furtos, além de colocar sua vida em perigo. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 × 5 =